Atração no ARS
NO AR
Tocando agora
VOCÊ CURTE
EM DOURADOS
29/06/2023 14h00min - Geral
8 meses atrás

Virgin Galactic deve fazer seu primeiro voo comercial nesta quinta (29)

A missão Galactic 01 busca que integrantes da Força Aérea Italiana e do Conselho Nacional de Pesquisa da Itália façam um experimento sobre microgravidade

Foto reprodução: Twitter @virgingalactic ► 
Fonte: Fonte TV Cultura / UOL



A empresa de turismo espacial Virgin Galactic pretende fazer nesta quinta-feira (29) seu primeiro voo comercial ao espaço. A decolagem deve ocorrer por volta das 12h,( horário de Brasília).

A missão Galactic 01 tem como objetivo que integrantes da Força Aérea Italiana e do Conselho Nacional de Pesquisa da Itália façam um experimento sobre microgravidade.

A empresa trata a ação como o início de uma nova era. Em 2021, a Virgin Galactic realizou um voo suborbital com o bilionário Richard Branson, dono da marca. A companhia já tem outra viagem marcada para agosto e, depois disso, planeja levar turistas ao espaço todos os meses.

Ao todo, a missão contará com quatro passageiros e dois pilotos. Veja quem são eles:

- Walter Villadei, coronel da Força Aérea Italiana: vai usar traje de última geração capaz de captar dados biométricos e respostas biológicas;

- Angelo Landolfi, tenente-coronel e médico da Força Aérea Italiana: vai conduzir testes para medir o desempenho cognitivo e investigar como certos líquidos e sólidos se misturam num ambiente de microgravidade;

- Pantaleone Carlucci, engenheiro no Conselho Nacional de Pesquisa da Itália: vai conduzir testes vestindo sensores que examinam métricas como frequência cardíaca e função cerebral;

- Colin Bennett, instrutor de astronautas da Virgin Galactic: treinou equipe de passageiros e vai avaliar experiência de voo durante a missão;

- Miske Masuccio, comandante: tenente-coronel aposentado da Força Aérea dos Estados Unidos, pilota desde 1982 e tem mais de 10 mil horas de experiência;

- Nicola Pecile, piloto da unidade: tenente-coronel aposentado da Força Aérea Italiana, pilota desde 1991 e tem mais de 7 mil horas de experiência em voo.

Além deles, outras duas pessoas estarão na VMS Eve, o "porta-aviões" que voa até uma altitude determinada e, depois, se desacopla da nave em que estão os passageiros. Kelly Latime será a comandante e Jameel Janjua, o piloto.

A Virgin Galactic não revelou quanto cobrou para realizar os dois voos, mas, em novembro de 2021, a empresa começou a vender passagens por US$ 450 mil.



•  

TV Cultura / UOL
Publicada em:

Usamos os cookies e dados de navegação visando proporcionar uma melhor experiência durante o uso do site. Ao continuar, você concorda com nossa Política de Privacidade.