Atração no ARS
NO AR
Tocando agora
VOCÊ CURTE
EM DOURADOS
14/11/2023 12h00min - Mato Grosso do Sul
4 meses atrás

Outras prioridades são mais urgentes


Agência Brasil ► 
Fonte: Fonte Grande FM



"Não é algo em que eu investiria. Acho que nós temos outras prioridades". Essa é a opinião do governador Eduardo Riedel sobre o uso de câmeras pelas forças policiais em Mato Grosso do Sul. 

A declaração foi feita nesta segunda-feira (13), três dias após o Estado registrar sua centésima morte no ano em decorrência de intervenção policial, e após a Secretaria de Justiça e Segurança Pública revelar que está debatendo o uso de câmeras com o Ministério da Justiça.

"A câmera na farda é uma questão altamente complexa. Ela não é barata. Não é só comprar e colocar na farda, por isso tem que ter toda uma estrutura de análise, de monitoramento, de acompanhamento. 

Pode ser que em algumas especializadas, em algumas situações específicas você possa ter", ponderou Riedel, após elogiar a atuação tanto da PM quanto da Polícia Civil. Sem fazer referência ao número de mortes, destacou que "a polícia do Mato Grosso do Sul é uma das melhores do Brasil".



•  

Grande FM
Publicada em:

Usamos os cookies e dados de navegação visando proporcionar uma melhor experiência durante o uso do site. Ao continuar, você concorda com nossa Política de Privacidade.