Atração no ARS
NO AR
Tocando agora
VOCÊ CURTE
EM DOURADOS
08/08/2023 12h00min - Agronegócio
7 meses atrás

Lasers acoplados em drones aumentam precisão

Devido à alta demanda, melhorias são essenciais

Pixabay ► 
Fonte: Fonte Agrolink



O uso de drones está se tornando cada vez mais comum em várias atividades no Brasil. A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) registrou mais de 93 mil drones em todo o país até abril deste ano, com São Paulo liderando o número de aparelhos cadastrados, contabilizando mais de 30 mil. O CEO da CPE Tecnologia, Rogério Neves, acredita que esse setor continuará crescendo devido à demanda por mapeamento preciso em áreas como agricultura, mineração e infraestrutura. A empresa atua no mercado de soluções para geotecnologia.

“Drones são equipamentos que aumentam a produtividade, reduzem a mão de obra e proporcionam mais segurança, pois evitam que os profissionais se coloquem em situações de risco em alguns momentos. Além disso, são utilizados não apenas para monitorar áreas e transmitir imagens, mas também como ferramentas de mapeamento, leitura, medição e análise de terrenos para diversos fins”, diz o executivo, que comenta ainda que “no agronegócio, por exemplo, podem ser usados para verificar a presença de doenças e pragas, pulverizar a plantação e mapear o tamanho da lavoura”.

Devido à alta demanda, melhorias são essenciais, levando a CPE Tecnologia a introduzir no Brasil, em 2019, scanners a laser que medem vários pontos de uma só vez, com alcance de até 6 km. Neves enfatiza que esses dispositivos elevam a precisão e detalhamento das leituras, beneficiando especialistas como topógrafos, geógrafos, engenheiros agrimensores e cartógrafos. A inclusão de lasers amplia ainda mais a precisão, a eficiência e a coleta de dados em curtos prazos.



•  

Agrolink
Publicada em:

Usamos os cookies e dados de navegação visando proporcionar uma melhor experiência durante o uso do site. Ao continuar, você concorda com nossa Política de Privacidade.