Atração no ARS
NO AR
Tocando agora
VOCÊ CURTE
EM DOURADOS
17/07/2023 16h00min - Meio Ambiente
8 meses atrás

Imasul suspende autorização e emissão de novas licenças para queima controlada

As medidas foram tomadas após emissão de umanota técnica do Cemtec-MS

foto reprodução: Bombeiros MS ► 
Fonte: Fonte Campo Grande News



Com o objetivo de prevenir incêndios florestais, o Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul), publicou no Diário Oficial desta segunda-feira (17) uma portaria tornando sem efeito as autorizações emitidas e ainda não executadas para queima controlada e também suspende a tramitação de processos de licenciamento e a emissão de novas autorizações do gênero até o fim do ano.

De acordo com a Semadesc (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação), as medidas foram tomadas a partir da em nota técnica emitida pelo Cemtec-MS (Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima), que analisou as tendências meteorológicas e focos de calor para o trimestre julho, agosto e setembro, indicando a necessidade de suspensão das atividades com uso do fogo para prevenir eventuais incêndios florestais.

Segundo o secretário da Semadesc, Jaime Verruck, os estudos técnicos da Cemtec-MS foram finalizados na semana passada e assim a decisão de suspender as autorizações aconteceu.

“A partir de hoje (17) essas autorizações estão suspensas e o motivo é muito técnico, portanto, quando o sistema identificar um foco de calor será de queima não controlada”, afirmou Verruk.

Ainda de acordo com Jaime Verruk, a Semadesc, o Imasul e o Comitê do Fogo tem se debruçado sobre os esforços a fim de prevenir os incêndios florestais. “Estamos estruturados para combater, mas todo nosso foco está na prevenção”.

Jaime mencionou campanhas realizadas há pouco de conscientização do próprio Governo e em parceria com a Reflore e o trabalho conjunto com o Ibama, em nível nacional, para prevenir incêndios no Pantanal. “Nesse ano o PrevFogo destacou uma equipe de brigadistas em Corumbá para reforçar esse trabalho. Os bombeiros têm usado sistemas de inteligência para monitorar os focos de calor, o que dá agilidade na mobilização e tomada de decisões”, destacou.



•  

Campo Grande News
Publicada em:

Usamos os cookies e dados de navegação visando proporcionar uma melhor experiência durante o uso do site. Ao continuar, você concorda com nossa Política de Privacidade.