Atração no ARS
NO AR
Tocando agora
VOCÊ CURTE
EM DOURADOS
30/12/2023 14h00min - Geral
5 meses atrás

Geração Z: quem são e quais suas características?

Geração Z é o nome dado ao grupo de pessoas que nasceu entre 1997 e 2012, também conhecidos como nativos digitais

Canva/Grande FM ► 
Fonte: Fonte Grande FM



A geração Z é o segundo grupo geracional mais novo, sendo composto por pessoas nascidas entre os anos de 1997 e 2012. Esses indivíduos cresceram durante o boom da internet, por isso costumam estar mais conectados que as outras gerações. Eles foram impactados pelos desastres ambientais, pandemias e colapso econômico que ocorreram em seu período de desenvolvimento.

Conhecidos como “nativos digitais”, por terem sido a primeira geração que cresceu com a internet sendo parte de sua rotina. A diferença de idade entre os integrantes do grupo geracional é relativamente grande. Os gen z mais velhos acabaram de começar a vida adulta, enquanto os mais novos ainda são pré-adolescentes.

O que é uma geração?

O termo geração vem do do latim “generatione” e refere-se ao grupo de pessoas que nasceram e viveram mais ou menos na mesma época. Existem diversas gerações diferentes, que formam grupo de pessoas com características específicas baseadas nas experiências que elas tiveram enquanto cresciam. Até o momento as gerações categorizadas são:

Geração perdida: caracterizada pelo mal-estar e desilusão vividos pelas pessoas que viveram a Primeira Guerra Mundial;

Grande geração: o nome é em homenagem a todas as pessoas que heroicamente se sacrificaram durante a Segunda Guerra Mundial;

Baby boomers: chamados assim devido ao boom de nascimentos que aconteceu após a Segunda Guerra Mundial. A geração foi marcada pela guerra do Vietnam e as mudanças sociais dos anos 60;

Geração X ou Geração Coca-cola: nascidos entre 1965 e 1981, marcado por um grupo de pessoas conhecidos como “sem identidade” devido ao fim das guerras, mas que ganhou rosto graças aos movimentos de subcultura, como hippies, punks e góticos;

Millennials ou Geração Y: quem nasceu entre 1982 e 1996, marcados pelos ataques de 11 de setembro e pela proliferação inicial da internet;

Geração alpha: nascidos a partir de 2013, eles são ágeis para lidar com equipamentos, e conseguem ensinar pessoas mais velhas como resolver problemas tecnológicos;

Importante frisar que mesmo que indivíduos de certas gerações tenham traços em comum, eles ainda são seres únicos e múltiplos. Logo, tem suas próprias opiniões, valores, atitudes e planos para o futuro. 

O período em que uma pessoa nasceu durante a geração determina seu modo de viver. Por exemplo, gen z’s que nasceram no início dos anos 2000 dividem características com millennials. Enquanto os que nasceram no fim dos anos 2010 são semelhantes à geração alpha.

Quais as características da geração z?

A geração Z é formada por nativos digitais, pessoas que nasceram e cresceram tendo contato com a internet  e os meios tecnológicos. A maior parte das atividades realizadas por essas pessoas é feita online, seja compras, se relacionar, ler, estudar e até mesmo produzir. Afinal, o trabalho remoto é parte essencial da vida desses indivíduos.

Por terem se desenvolvido ao mesmo tempo que os meios tecnológicos, a geração Z sabe trabalhar mais cuidadosamente com suas redes sociais. Sendo assim, eles são propensos a optarem pela anonimidade em ambientes virtuais. Além de terem presenças digitais personalizadas e reduzidas, enquanto consomem uma boa quantidade de produtos midiáticos na internet

Um exemplo do consumo digital dessa geração é o aplicativo Tiktok. Segundo estudos, mais de 60% dos usuários do aplicativo são jovens da geração Z. É através da internet que eles encontram indivíduos com os mesmos gostos, para poderem discutir seus gostos com uma gama maior de pessoas. 

Mas além da questão digital, a geração Z tem sofrido com uma crise de saúde. De acordo com um relatório estadunidense, essa população tem maior prevalência de transtornos psicológicos do que as gerações anteriores. O pessimismo mental ligado a esses indivíduos também é alimentado pelas guerras, crises econômicas, pandemias, estresse global e desastres climáticos. 

Devido a redução de oportunidades, a geração Z não enxerga um futuro financeiramente estável e a maioria está preocupada em economizar para a aposentadoria. O mesmo relatório citado anteriormente aponta que 58% dessa população não tem suas necessidades sociais básicas atendidas. Esse é um dos maiores percentuais entre todas as gerações.

Por fim, os gen z’s são considerados imediatistas. Isso se dá pelo fato de que a geração cresceu com o acesso a internet, onde se obtém respostas para tudo na palma da mão, a qualquer momento.

Geração Z, idealismo e preocupação social 

Esse grupo distinto de pessoas é conhecido pelo seu idealismo e crença em mudanças sociais. Ou seja, eles entendem os desastres econômicos, ambientais e políticos que têm afetado o planeta e buscam encontrar formas de solucioná-los. 

Sendo assim, a geração Z é mais politicamente ativa e progressista. Isso faz com que eles sejam consumidores mais inclusivos e conscientes. Ou seja, são pessoas que buscam por produtos ecologicamente e socialmente corretos, que não são produzidos por meio da exploração ambiental ou humana. 

Com o avanço das mudanças climáticas, essa geração busca posicionamento e responsabilização de grandes empresas, para que elas adotem mais práticas sustentáveis e verdes. 



•  

Grande FM
Publicada em:

Usamos os cookies e dados de navegação visando proporcionar uma melhor experiência durante o uso do site. Ao continuar, você concorda com nossa Política de Privacidade.