Atração no ARS
NO AR
Tocando agora
VOCÊ CURTE
EM DOURADOS
21/06/2023 13h00min - Entretenimento
9 meses atrás

Em nova turnê, Bruce Springsteen encara finitude em show cheio de vitalidade


Foto reprodução: Vagalume  ► 
Fonte: Fonte Vagalume



Bruce Springsteen é daqueles artistas que tem uma base de fãs grande e bastante fiel, capaz de fazer fãs viajarem longas distâncias para vê-lo mais uma vez. 

Quando se é um admirador brasileiro do americano as dificuldades tendem a aumentar. Ele só esteve no país duas vezes, e praticamente dez anos já se passaram desde a última vinda, quando ele fez um show memorável no Espaço das Américas, em São Paulo, e outro igualmente inesquecível no Rock in Rio.

Como ainda não há nenhuma indicação de que ele retornará ao Brasil, o jeito foi fazer um esforço e pegá-lo em uma parada de sua atual turnê pela Europa. A data escolhida foi a do dia 18 de junho, onde ele encerrou o TW Classic Festival na pequena Werchter, Bélgica.

Bruce não costuma se apresentar muito em festivais, já que gosta de fazer shows longos, mas o formato do TW é perfeito para ele. O evento faz lembrar nossos antigos megaconcertos, como os dois primeiros Rock In Rio ou o Hollywood Rock: apenas um palco com quatro atrações.

O público também é bem diferente do que vemos por aqui: a maioria esmagadora já está aposentada, ou em vias de se aposentar, e parece ser fã do artista desde, pelo menos, os anos 80. Muitos levam cadeiras de metal, sim elas são aceitas, puffs ou tapetes para se sentar - e todos somem de vista, como que por milagre, no momento em que a atração principal sobe ao palco. Uma coisa é certa: por ali, o conceito do "não tenho mais idade, saco e físico para festivais", é uma frase que não existe.

Bruce agora está falando menos entre as músicas, mas os discursos são sempre certeiros e emotivos, como quando, antes de cantar "Last Man Standing", ele conta a história de como entrou em sua primeira banda de rock ainda na adolescência e que, agora, ele é o último sobrevivente dos "Castilles".

Springsteen deixa o palco após 27 músicas e mais de duas horas e meia. E podemos apostar que as mais de cem mil pessoas que ali estiveram irão querer vê-lo novamente, seja pela segunda ou centésima vez. A nós, brasileiros, resta torcer para que ele cumpra a promessa feita em 2013 e retorne ao país.



•  

Vagalume
Publicada em:

Usamos os cookies e dados de navegação visando proporcionar uma melhor experiência durante o uso do site. Ao continuar, você concorda com nossa Política de Privacidade.