Atração no ARS
NO AR
Tocando agora
VOCÊ CURTE
EM DOURADOS
22/02/2024 18h00min - Educação
2 meses atrás

Censo Escolar 2023: 9 milhões de brasileiros de 18 a 29 anos não concluíram a escola

Dados foram divulgados nesta quinta-feira (22) pelo MEC

Foto reprodução: TV Cultura /Unsplash ► 
Fonte: Fonte TV Cultura / UOL



Os dados do Censo Escolar da Educação Básica 2023, divulgados nesta quarta-feira (22) pelo Ministério da Educação (MEC), revelam que 8,8 milhões de brasileiros de 18 a 29 anos não terminaram o ensino médio e não frequentam nenhuma instituição de educação básica.

Entre todas as faixas de idade, são 68.036.330 cidadãos sem a escolarização básica no Brasil.

O Censo Escolar é um levantamento anual que traz dados sobre as escolas, os professores, os gestores e os alunos das redes pública e privada do Brasil, da creche até a Educação Para Jovens e Adultos (EJA).

O relatório mostrou ainda um crescimento de 13% no número de alunos matriculados na educação infantil, que engloba creches e pré-escola. O Brasil está perto de "universalizar a pré-escola", uma vez que 91,5% das crianças já estão estudando.

“Se levar em consideração os dados do Censo do IBGE de 2022 é muita boa a expectativa de estarmos nos aproximando da universalização do atendimento de pré-escola. Tem 5,3 milhões de alunos matriculados e para esse corte, segundo o IBGE, tem 5,4 milhões de crianças”, explica Carlos Eduardo Moreno, diretor de estatística do Inep.

Os dados do Censo apontam que, em 2021, o país tinha 8,3 milhões de crianças nas creches e pré-escolas. Em 2023, o número subiu para quase 9,5 milhões.

Já em relação ao número de crianças matriculadas em creches, Moreno afirma que o Brasil está perto de bater a meta do Plano Nacional de Educação (PNE), que estabelece que 50% das crianças de até 3 anos de idade devem estar matriculadas em instituições até o final de 2024.

Em 2023, o percentual de matriculados era de 37,7%, número um pouco maior ao registrado em 2022 (36%).

“É possível que se aproxime da meta do PNE. É uma expectativa que se mantém em função desse comportamento de matrícula em creche”, diz o diretor de estatística do Inep.



•  

TV Cultura / UOL
Publicada em:

Usamos os cookies e dados de navegação visando proporcionar uma melhor experiência durante o uso do site. Ao continuar, você concorda com nossa Política de Privacidade.