Atração no ARS
NO AR
Tocando agora
VOCÊ CURTE
EM DOURADOS
23/12/2023 17h00min - Geral
7 meses atrás

Alerta da ONU: temperatura da Terra pode subir 3°C neste século

Relatório da ONU aponta que o aumento das temperaturas causaria o derretimento dos lençóis de gelo e a seca da Floresta Amazônica

Canva/Grande FM ► 
Fonte: Fonte Grande FM



Os impactos do aquecimento global têm sido cada vez mais visíveis. A onda de calor extremo registrada em diversos pontos do planeta neste ano, inclusive no Brasil, é apenas um dos exemplos disso. Mas a situação deve piorar ainda mais, de acordo com um relatório da Organização das Nações Unidas (ONU).

Terra ficará ainda mais quente

O documento da ONU alerta que, sem ações climáticas consideradas radicais, a temperatura média da Terra poderá aumentar em quase 3ºC ainda neste século.O estudo anual sobre a Lacuna de Emissões avalia os compromissos das nações no combate às mudanças climáticas comparados com a necessidade do planeta.Segundo ele, o mundo terá entre 2,5 e 2,9ºC de aquecimento acima do período pré-industrial se os governos não acelerarem as ações em relação ao clima.O que significa o aumento da temperatura

Os pesquisadores responsáveis pelo levantamento apontam que se houver aquecimento de 3 graus, o planeta pode ultrapassar vários pontos considerados irreversíveis. Entre eles estão o derretimento dos lençóis de gelo e a seca da Floresta Amazônica.

"As tendências atuais estão levando nosso planeta a um aumento de temperatura de 3°C. A Lacuna de Emissões está mais como um desfiladeiro de emissões."

António Guterres, secretário-geral da ONU

Os cientistas não conseguem prever, ao certo, a magnitude desses impactos. No entanto, os fenômenos extremos nos últimos meses servem de alerta para o que está por vir.

A ONU ainda destaca que as emissões precisam cair 42% até 2030 para manter o aquecimento do planeta dentro do 1,5 grau estipulado no Acordo de Paris, de 2015. Mas mesmo no cenário mais otimista, a chance de atingir esse objetivo é de apenas 14%.

As emissões de gás causadores do efeito estufa aumentaram 1,2% entre 2021 e 2022, atingindo um recorde equivalente a 57,4 gigatoneladas de dióxido de carbono.

Líderes mundiais se reuniram em Dubai para o encontro anual do clima da ONU, a COP28. Foi mais uma chance para que esforços sejam empreendidos de forma conjunta para evitar o aquecimento ainda maior do planeta.



•  

Grande FM
Publicada em:

Usamos os cookies e dados de navegação visando proporcionar uma melhor experiência durante o uso do site. Ao continuar, você concorda com nossa Política de Privacidade.