Atração no ARS
NO AR
Tocando agora
VOCÊ CURTE
EM DOURADOS
16/06/2023 19h00min - Entretenimento
9 meses atrás

Academia do Grammy barra indicações de produções feitas por inteligências artificiais

Segundo nova regra da premiação musical, apenas criadores humanos são elegíveis para indicações.

Foto reprodução: Getty Images ► 
Fonte: Fonte Grande FM



A academia do Grammy, principal premiação do mundo da música dos Estados Unidos, anunciou nesta sexta-feira (16) novas regras. A principal é a proibição de produções feitas por inteligências artificiais. 

Segundo o comunicado, “apenas criadores humanos são elegíveis para indicações”.

De acordo com as novas regras, o uso de inteligência artificial para assistir a produção de canções ainda é permitido, mas o componente humano deve ser "significativo" para a indicação ocorrer.

Outra mudança que chamou atenção foi a diminuição do número de indicados nas quatro principais categorias (álbum, canção e gravação do ano, e artista revelação). 

Antes, 10 artistas ou grupos eram escolhidos. Agora, o número caiu para oito.

Menor número de estatuetas

Economia no ouro. A academia anunciou que, a partir da próxima premiação, apenas profissionais que que trabalharam em mais de 20% de um disco serão nomeados oficialmente a um Grammy.

Anteriormente, todas as pessoas envolvidas na produção do álbum recebiam a estatueta na categoria “Álbum do Ano”.

O Grammy 2024 ainda não tem data definida para acontecer.



•  

Grande FM
Publicada em:

Usamos os cookies e dados de navegação visando proporcionar uma melhor experiência durante o uso do site. Ao continuar, você concorda com nossa Política de Privacidade.