22/12/2012 17h24 - Atualizado em 22/12/2012 17h24

Dilma quer taxa de câmbio 'mais real' em 2013

Dilma participou de inauguração de sistema de abastecimento no RS

Por: Redação/G1
 
 
O governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, a
presidente Dilma Rousseff e o presidente da
Câmara, Marco Maia, em inauguração em Caxias
do Sul (Foto: Roberto Stuckert Filho/PR) O governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, a
presidente Dilma Rousseff e o presidente da
Câmara, Marco Maia, em inauguração em Caxias
do Sul (Foto: Roberto Stuckert Filho/PR)

A presidente Dilma Rousseff afirmou na manhã deste sábado (22) que busca garantir uma "taxa de câmbio mais real" em 2013. Dilma participou da cerimônia de inauguração do Sistema de Abastecimento de Água Marrecas, em Caxias do Sul, Rio Grande do Sul. O ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, Pepe Vargas (Desenvolvimento Agrário) e o governador do estado, Tarso Genrox, participaram da cerimônia.

"Nós, junto com a redução dos juros, junto com uma taxa de câmbio mais real, junto com a redução dos impostos, e que nós iremos continuar a perseguir em 2013, nós começamos a superar alguns gargalos fundamentais para que o Brasil pudesse crescer de forma sustentável", afirmou Dilma.

Após três dias de queda, o dólar fechou em alta sobre o real nesta sexta-feira (21), com o cenário de maior aversão ao risco no exterior, já que as negociações sobre o abismo fiscal nos Estados Unidos não avançaram mais e estão preocupando investidores. A moeda norte-americana subiu 0,47%, para R$ 2,0738 na venda.

Na semana, contudo, a moeda acumula desvalorização de 0,53% e, no mês, 2,67%. O governo tem tentado manter o dólar no patamar mínimo de US$ 2 para R$ 1. O temor é que a moeda norte-americana se desvalorize mais e prejudique as exportações brasileiras.

A presidente Dilma voltou a afirmar que o Brasil vai ter condições de crescer ainda mais em 2013.

"Vocês viram que foi anunciada uma das menores taxas de desemprego dos últimos tempos. A taxa de desemprego diminuiu para 4,9%. Essa é a segunda menor taxa dos últimos dez anos.

É importante falar para o Brasil e dizer que nosso país vai ter condição de crescer. Nós queremos crescer no ano que vem", afirmou. Para Dilma, a redução da extrema pobreza não é apenas uma "questão ética", mas também "econômica".

"Primeiro, eu quero dizer de uma missão que nós temos que é a redução da pobreza extrema. Precisamos reduzir a pobreza extrema não por uma razão moral, não por uma questão ética, mas também por uma razão econômica e para o fortalecimento do nosso país enquanto nação”, afirmou. A presidente Dilma encerrou seu discurso desejando feliz Natal e próspero Ano Novo.

Sistema de abastecimento

Segundo o Ministério das Cidades, a construção do Sistema de Abastecimento de Água Marrecas tem o objetivo de ampliar a oferta de água em 1000 litros/segundo e aliviar os sistemas de abastecimento de água na região. De acordo com o ministério, o projeto faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e beneficiará 250 mil pessoas.


Seja o primeiro a comentar!

Envie seu Comentário!

Restam caracteres. * Obrigatório
Digite as 2 palavras abaixo separadas por um espaço.
 


 

Notícias

Brasil
Dourados
Esportes
Mulher
Mundo
Policial
Rural
Saúde
Shopping

Canais

Programação
Promoções
Recadinhos
Festas&eventos
Entretenimento
Horóscopo
Agenda Cultural
Fotos Flagrantes

Expediente

Sobre a Rádio
Responsabilidade Social
Nossa História
Localização
Abrangências
Política Comercial
Política de Privacidade
Termos de uso
Anuncie

Rádio e Televisão Gran Dourados
Rua Gustavo Adolfo Pavel, 935 - Vila Tonanni
Dourados - MS - CEP - 79825-901

+55 (67) 3411-1992 - Atendimento
+55 (67) 3411-1915 - Anuncie
+55 (67) 3411-1914 - Fax